quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Luz terna, suave, no meio da noite...




Um lindo hino da Liturgia da Horas (Completas) do Cardeal inglês Henry Newman, inspirado na sua conversão ao catolicismo com quem não simpatizava, mas para onde se sentia atraído por uma "luz suave", mas indubitavelmente segura. No fundo, não é mais nem menos do que a síntese de um caminho percorrido em busca da Verdade Absoluta.

Sem comentários: