sábado, 8 de fevereiro de 2014

Um apelo...



Saudação fraterna de Paz e Bem

No passando ano dirigimo-nos a vós com a alegre noticia do inicio das obras de restauro da nossa futura casa (conventinho). Foi com alegria que recebemos a vossa contribuição/ajuda para as referidas obras. No dia um de novembro de dois mil e treze começamos a habitar a casa, mesmo sem as obras estarem concluídas.

Agora chegou a hora de recomeçarmos a segunda fase do restauro. Gostaríamos de concluir as obras da nossa casa. Por isso vimos junto dos nossos amigos, dos seus familiares e também dos seus amigos confiantes na vossa solidária generosidade.

Sabemos que os tempos que correm são difíceis para todos, mas acreditamos na Divina Providencia que nos compensará a nós e a todos aqueles que connosco colaborarem, pois Deus sempre recompensa os nossos gestos de solidariedade.

Deixamos-lhe mais uma vez a certeza da nossa Oração junto de Jesus por si e pelos seus familiares.

Aguardamos uma resposta cheia de bondade, porque vimos junto de si com a esperança de que também nos abrirá o seu coração e com generosidade nos vai ajudar a continuar a fazer as obras na nossa casa.

P.S. A quem quiser, enviamos o respetivo recibo deduzível em sede de IRS.
 

Beja, 08 de fevereiro de 2014
 
 

 
O Superior Geral - FISFA
Ir. José Domingos dos Santos Gomes
 

 

 
 

2 comentários:

Anónimo disse...

VAMOS AJUDAR...
Se os Irmãozinhos nos dão tanto, porque não nós darmos pelos menos um pouco.

Anónimo disse...

Se todos nós (que nos deliciamos com as adorações ao Santíssimo) contribuirmos com o nosso pouco todos os meses..., ao fim de algum tempo, vê-se o resultado. Os Irmãozinhos agradecem..., e merecem ser ajudados, pois Deus manifesta-se neles a todo o momento. Não critiquem quem faz bem, tentem imitá-los espalhando o bem e dedicando-se ao povo como os Irmãozinhos fazem, força pessoal... vamos ajudar a quem tanto de si nos dá... Eles gastam-se espalhando a Paz e o Bem, imitemo-los sempre com amor, dedicação e empenho como eles fazem em tudo o que se metem. São Presenças e reflexo do Amor de Deus. Continuem...