sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Queres ficar curado?




Senhor Jesus, Pai Santo,
Deus presente no Santíssimo Sacramento, nós Te louvamos, Bendizemos e glori­ficamos.
Te damos graças pelo Teu infinito amor por cada um de nós.
Aqui estamos, Senhor como grão de areia no deserto.
Aqui estamos, Senhor, descalços, à tua espera.
Aqui estamos, Senhor, de coração aberto, à escuta.
Aqui estamos, Senhor, procurando paz na tua resposta.
Para que o sol do teu ser se torne fecundo e penetre o nosso coração com a tua presença.
Queremos estar contigo, sentados, a teus pés, sem pensar, nem procurar, sensíveis ao que nos acontece.
Queremos estar gratuitamente contigo, aqui e agora, atentos à tua palavra, totalmente presente nela.
Queremos unificar o nosso ser com o teu, a nossa vida com a tua, Senhor da aurora.
Tu és, Jesus, a última palavra, acolhida no silêncio de uma dura experiência;
Tu és, Jesus, Boa Nova, que alegra o coração,
Tu és, como o silêncio das noites frias que gota a gota absorve a terra ressequida.
Queremos abandonar o ruído que nos atordoa e escraviza.
Queremos cortar as amarras que cercam a nossa liberdade.
Queremos quebrar, rasgar, forçar, abrir cadeias.
Queremos que ponhas o teu coração terno no pó e no nada da nossa pobreza.
Queremos conhecer, saborear a tua misericórdia para adoçar o nosso coração de pedra.
Queremos que a luz do teu Evangelho ilumine o nosso ser e o arranque da noite cega.
Dá-nos, Senhor, o auto-domínio, o controlo e a vigilância pois desejamos ser servidores do teu Reino.
Queremos ser livres e ainda nos sentimos manipulados.
Aqui estamos, Senhor, na tua presença, para que a tua palavra nos ilumine e nos faça regressar às origens, ao paraíso e assim possamos descobrir o silêncio fecundo do teu misterioso amor por nós.
Fica connosco Senhor, nesta noite e sempre.
Amém. 

Sem comentários: